Capela de Sansevero

A Capela de Sansevero é um dos lugares mais enigmáticos e visitados de Nápoles. No seu interior, é possível contemplar a escultura do Cristo Velado, uma das esculturas mais impressionantes do mundo

A Capela de Sansevero foi construída sob as ordens da esposa do primeiro Príncipe de Sansevero, Adriana, após a trágica morte do seu filho, o qual foi brutalmente assassinado pelo marido de sua amante. 

O crime chocou a cidade inteira pela violência: os dois amantes, depois de violentamente agredidos, foram arrastados até uma rua para serem devorados por animais.

Em 1610, a capela foi reformada para ser convertida em um panteão familiar, mas suas belas e expressivas esculturas ainda relembram a dor de uma mãe pela perda do filho

A capela de relance

O centro da capela gira em torno a uma belíssima escultura de um Cristo morto. A sua origem remonta à metade do século XVII e impressiona por sua delicadeza e capacidade de despertar emoções

Ademais, a capela possui um acervo de esculturas alegóricas, como o Desengano do Queirolo ou a Verdade Velada de Corradini, uma autêntica obra-prima graças à transparência e realismo dos seus panos feitos de mármore

Na cripta da capela se encontra uma exposição bastante peculiar, na qual podem ser vistos um homem, uma mulher e um feto com os órgãos vitais e o sistema circulatório à vista. Diz a lenda que para conhecer o corpo humano com detalhes, foram realizados experimentos macabros. 

Interessante, mas não imprescindível

O Cristo Velado é uma das obras-primas da escultura e conhecida internacionalmente. Por esse motivo, a igreja recebe diariamente um grande número de turistas que desejam conhecer pessoalmente o realismo da escultura. 

Embora o Cristo Velado seja realmente uma escultura impressionante, opinamos que a visita à capela não é uma opção recomendada para todos os públicos, já que é muito pequena e o ingresso é relativamente caro pelo o que oferece. 

Horário

De quarta a segunda, das 9:00 às 19:00 horas.
Terça-feira: fechado.

Preço

Adultos: 7€.
Jovens entre 10 e 25 anos: 5€.
Menores de 9 anos: acesso gratuito.

Transporte

Metrô: linha 1 e linha 2.
Ônibus: linhas 184 e R2.